Imprimir
Apresentação

O ARTIS - Instituto de História da Arte da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (ARTIS-IHA) é uma unidade de I&D financiada pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (UID/EAT/04189/2013), consagrada à investigação e à formação em história da arte e ciências do património, cuja força impulsionadora são os investigadores e as ideias.

Com uma equipa de 86 investigadores, conta também com a colaboração de vários profissionais, investigadores externos e estudantes de diversos ciclos de estudos, caraterizando-se pelo empenho na formação pós-graduada, pelo trabalho em rede - através de parcerias interdisciplinares com instituições e empresas -, e por uma aposta no diálogo científico e na divulgação do conhecimento, tanto a nível nacional como internacional.

O ARTIS-IHA tem como principal área científica de atividade a História da Arte, entendida enquanto disciplina autónoma ainda que suscetível de articulação com outros saberes, na medida em que se assume como um vasto campo de conhecimento que estuda as obras e o património artístico no curso da história, na busca das suas memórias acumuladas e dos seus sentidos estéticos profundos.

Atualmente edita duas revistas de história da arte anuais, a ARTIS - Revista de História da Arte e Ciências do Património (em papel), e a ARTis ON (online) (esta última dá continuidade aos Cadernos de História da Arte), que permitem dar visibilidade às atividades e investigações desenvolvidas na unidade de I&D, mas também de autores de outras instituições nacionais e estrangeiras.

Tendo como áreas de trabalho fundamentais a História da Arte, através dos seus grupos, o ARTIS-IHA desenvolve investigação fundamental e investigação aplicada, apresentando um plano de desenvolvimento estratégico para os próximos anos estruturado em três eixos, assentes nos princípios: a) da política de acesso aberto; b) de uma investigação aberta; c) da criação de redes abertas de ciência, reforçando assim a responsabilidade social que desde sempre caracterizou a Unidade e que constitui também um motor de desenvolvimento e oportunidade de inovação.