Imprimir

Joaquim Manuel Rodrigues dos Santos

Joaquim Manuel Rodrigues dos Santos


É investigador integrado do ARTIS | Instituto de História da Arte - Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, encontrando-se a desenvolver neste instituto um pós-doutoramento (financiado com uma bolsa concedida pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia) sobre a Salvaguarda do Património Arquitectónico de Influência Portuguesa na Índia: Contextualização e Crítica (Problemáticas, Procedimentos, Idiossincrasias e Repercussões), sendo ainda, neste âmbito, investigador visitante no Department of Sociology - Goa University. Licenciado em Arquitetura pelo Departamento de Arquitetura da Universidade de Coimbra (2002), concluiu o mestrado em Arquitetura, Território e Memória pela mesma universidade (2007), tendo estudado a existência em Portugal de uma imagética cultural referente ao castelo medieval português. Realizou o curso de especialização em Conservação e Restauração de Monumentos e Conjuntos Históricos na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo - Universidade Federal da Bahia (2006), e doutorou-se em Arquitetura na Escuela Técnica Superior de Arquitectura - Universidad de Alcalá de Henares (2012), com uma dissertação intitulada Anamnese do Castelo como Bem Patrimonial: Construção da Imagem, Forma e (Re)Funcionalização na Reabilitação de Fortificações Medievais em Portugal. Colaborou entre 2012 e 2014 com a ONGD Associação para o Desenvolvimento e a Promoção da Autonomia no âmbito do ordenamento do território, nomeadamente no projeto Melhores Meios, Mais Segurança nas Estradas da Responsabilidade Municipal (Concurso de Prevenção e Segurança Rodoviárias 2010 - C.P.S.R.2010), resultante de uma parceria com a Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias e realizado sob tutela da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária - Ministério da Administração Interna. Foi membro fundador do Instituto para a Investigação e o Desenvolvimento - Universidade Lusófona de Cabo Verde, no seio do qual elaborou diversas candidaturas na área do património arquitetónico, urbano e cultural em Cabo Verde. Desenvolve investigação na área da arquitetura e urbanismo, da salvaguarda patrimonial, e da história da arte - com destaque para a produção em Portugal e de influência portuguesa no Mundo -, de que decorreram diversas publicações e participações em eventos científicos. Além da investigação, desde 2002 que desenvolve atividade de arquitetura e urbanismo, sendo co-fundador do atelier iPLAN - Architecture and Urban Planning, e tendo integrado diversas equipas de projeto. Relator externo do Conselho Regional de Disciplina - Secção Regional Sul da Ordem dos Arquitectos.

E: joaquimr.santos@gmail.com

DeGóis

 

 

 

Voltar