Mapa do site

Ensino

O ARTIS - Instituto de História da Arte oferece, no âmbito do Departamento de História da FLUL, formação em História da Arte, Património e Teoria do Restauro em três Ciclos de Estudos.

Unidade I&D

O centro de investigação foi construído em 2009, como uma nova Unidade da Área de História da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.

Publicações

O Instituto mantém duas revistas anuais com arbitragem científica por pares: a ARTIS - Revista de História da Arte e Ciências do Património e a ARTis ON (em acesso aberto), a par de outras publicações.

O Legado de André Soares



Exposição "O Legado de André Soares", com a curadoria de Eduardo Pires de Oliveira e Paulo Oliveira.


Patente de 30 de Novembro de 2021 a 27 de Fevereiro de 2022, no Mosteiro de Tibães, em Braga.


Mais informação

ABERTURA DE CONCURSO ESTÍMULO AO EMPREGO CIENTÍFICO INDIVIDUAL - 5.ª EDIÇÃO

 
As candidaturas devem ser apresentadas em língua inglesa, a partir do dia 3 de Fevereiro de 2022 e até às 17 horas (hora de Lisboa) do dia 3 de Março de 2022, através de uma plataforma myFCT, a disponibilizar oportunamente.
 
Submissão de pré-candidatura com o ARTIS até 25 de Janeiro de 2022, através do formulário que pode aceder AQUI
 
O período para a associação das instituições de acolhimento a cada candidatura individual é de 4 de março de 2022 até às 17:00 (hora de Lisboa) de 29 de março de 2022.


Ler mais

20 de Janeiro | 17h | Museu Nacional de Arte Contemporânea

Conferência as Fundadoras da Tapeçaria Contemporânea Portuguesa e Coletivos Artístico - Sessão Presencial no MNAC 20 de Janeiro


"As Mulheres da Tapeçaria Contemporânea Portuguesa"
Ana Maria Gonçalves, Lisboa (FLUL)

MNAC - 20 de Janeiro às 17h

Ana Maria Gonçalves desde 2011 investiga de modo sistemático sobre Tapeçaria Contemporânea Portuguesa. Tem participado em exposições e conferências organizadas pela FBAUL e outras intuições de Ensino Superior. Doutoranda da FLULem História da Arte com o tema Manufactura de Tapeçarias de Portalegre (1946). Desde 2001 trabalha como Educadora Social na Câmara Municipal de Odivelas onde criou, entre outros, um projeto conjugando a arte têxtil e o bem-estar/saúde.